Obras de fundação de prédio em Santos tiram sossego de moradores de áreas vizinhas


de Jéssica J. Lins de Souza
Segundo matéria na TV Globo além dos altos níveis de pressão sonora que causam transtornos à vizinhança, a vibração causada pelo bate-estacas tem deixado os moradores bastante assustados, principalmente os que moram em prédios mais antigos.
Segundo relato de uma das moradoras, as atividades de estaqueamento começam antes das 8h, horário proibido por lei municipal. Por outro lado, o engenheiro técnico da construtora diz que as atividades são feitas em horário legal e que quaisquer danos à vizinhança serão investigados e compensados.
A Prefeitura, por sua vez, promete que técnicos da Secretaria de Meio Ambiente farão a fiscalização do local e, caso necessário, o órgão exigirá a paralisação da obra até segunda ordem.
A questão agora é se as medições são feitas de forma correta e se os fiscais tem os equipamentos adequados para medção, pois trata-se de ruído impulsivo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *