Arquivos Mensais: agosto 2012


12th Annual Airport Noise Mitigation Symposium

O 12th Annual Airport Noise Mitigation Symposium vai acontecer entre 30/09/2012 e 02/20/2012 na cidade de Buffalo, NY, EUA. O simpósio é uma iniciativa do ANMS Planning Committee e da American Association of Airport Executives (AAAE).

Anualmente o simpósio reune especialistas da Federal Aviation Authority, dos aeroportos, da comunidade, consultores e empresas fabricantes para discutir e compartilhar novidades sobre a mitigação dos problemas do ruído aeronáutico.

Maiores informações no site da AAAE.


Voto de silêncio

de Daiane Lechini

Todos sabemos que o ato de votar é silencioso, ou seja, secreto. Ironicamente carros de som com enormes alto-falantes circulam pelas cidades de todo o país propagando ruído e perturbando o sossego público. Nessas muitas cidades, várias delas proíbem com leis municipais a utilização de carros de som, no entanto a fiscalização não é feita e a lei não validada. Não cabe só aos políticos e órgãos públicos tomar providencias para esse problema, a solução deve começar através do povo. Escolher um bom candidato requer pesquisa da vida política, dos seus ideiais, principios e projetos para melhorar a qualidade de vida, não os seus jingles escandalosos e estressantes.

O povo brasileiro na sua maioria, é apolítico, não gosta muito de participar, geralmente o faz por ser uma obrigação civil, e o fato de haver esses meios inconvenientes de propaganda política, acredito que deixe as pessoas ainda mais ressentidas e afastadas deste meio, talvez essa seja até uma estratégia dos políticos corruptos deste país, para que nós, o povo, fiquemos a cada dia mais indiferentes ao quadro político e corrupto que enfrentamos atualmente.
Nas urnas vamos decidir o futuro da nossa cidade, procurando o melhor para a população, assim como solucionar problemas na educação, segurança e saúde, o que inclui a sua saúde auditiva. Este ano meus votos irão para os candidatos que não utilizam de carros de som para divulgação de sua campanha, este ano o meu voto é para o silêncio.